Luccino é gay em 'Orgulho e Paixão'? Parece que sim

Juliano Laham torce para final feliz do personagem ao lado do soldado Otávio (Pedro Henrique Müller)

Publicado em 03/07/2018
Juliano Laham vive Luccino em Orgulho e Paixão que ganhará romance gay
Luccino ficará em conflito interno questionando sua sexualidade

Quem assiste à trama das seis, Orgulho e Paixão, percebe que há uma situação homossexual latente em um dos núcleos da novela que se passa no início do século 20. 

Curta o Guia Gay Salvador no Facebook

Capítulos atrás, Luccino (Juliano Laham) beijou Mariana (Chandely Braz). Na ocasião, a moça estava vestida com roupas masculinas para o personagem, Mário, que ela criou para se aproximar do amado, o Coronel Brandão (Malvino Salvador).

Mais
>>> 15 atores gatos do elenco de 'Orgulho e Paixão'

Luccino conhece o segredo da moça e sabia que estava beijando uma mulher. Então, o bigode, a peruca, as calças e os suspensórios fizeram diferença? Neste caso, parece que sim.

Em outros encontros, o mecânico já demonstrou desapontamento quando Mariana adentra ao galpão de vestido e não com sua persona masculina.

"Luccino vai se conhecendo aos poucos e esse beijo traz um leque enorme de possibilidades. Estou muito feliz em representar uma história assim porque me enriquece com ator e como pessoa também", contou Laham ao Extra.

Nos próximos capítulos, Luccino vai se aproximar de Otávio (Pedro Henrique Müller), militar que está envolto a um noivado com Lídia (Bruna Griphao), mas que não está interessado na moça.

"Acho que eles podem ficar juntos porque tudo está caminhando para isso. Torço para Luccino encontrar um amor verdadeiro, independentemente de ser com homem ou mulher. O importante é que ele não se importe com o que os outros pensem", diz Laham.

Pedro Henrique Muller: casal gay na novela Orgulho e Paixão
Otávio (Pedro Henrique Müller) 

 


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.